Páginas

1.8.17

As cores dos dias!


É bem mais fácil de falar de dias bonitos, alegres, cheios de cor e felizes.  Mas todos sabemos que nem só de dias assim a vida se vive.
Há dias feios, tristes, cinzentos, em que nos sentimos infelizes. Confesso que não me sinto tão há vontade de falar neles. Custa-me fazê-lo, custa-me mesmo muito.
Nesses dias o que costumo fazer é recolher-me,  estar eu e os meus botões, quieta e calada no meu canto. Mesmo sabendo a importância e o bem que me  faz deitar cá para fora as palavras que me sufocam.

Não sou rapariga de queixar, sou muito mais de agradecer, quem me lê ou quem me conhece sabe disso.  
Mas na verdade, tenho tido alguma dificuldade em  lidar  com dias cinzentos. Admito aqui essa minha fraqueza. A minha dificuldade em lidar com aquilo que dói. Não que eu seja sempre assim. Não sou. E embora não seja de baixar os braços, estou numa fase em que me sinto mais frágil.
Ainda assim continuo com um dos meus lemas de sempre e tento ao máximo para não desviar o foco desse lema: se cair levanto-me, se  por acaso voltar a cair volto a levantar-me, e sigo em frente!

Se Junho foi um mês alegre, cheio de cores vivas e intensas e repleto de alegrias, já Julho presenteou-me com uma palete de cores bem mais escuras. E com os dias cinzentos veio a energia  (ou falta dela)  deprimente deles. Essa "má" energia trouxe-me dúvidas, medos, lágrimas, momentos de reflexão, isolamento e claro lições!
Precisei de estar ausente daqui, precisei de me focar na realidade dos meus dias, de conjugar o verbo parar e logo de seguida o verbo agir. Afinal o que não nos derruba torna-nos mais fortes.

Encerrei o mês de Julho  a agradecer por tudo o que ele me trouxe, mesmo que isso englobe coisas menos boas e dias tristes. Com dor aprendemos sempre, vimos quem temos ao nosso lado, sentimos o seu amor e apoio incondicional, paramos para pensar, tomamos resoluções, temos a oportunidade de direcionar a nossa mente para o que de bom essa dor nos pode trazer, e tudo isto é tão positivo. Não há como não agradecer.

Há que lembrar e acreditar que o sol volta sempre. E  com ele a luz e as cores perfeitas para os nossos dias.


With love,

Catarina.

28 comentários:

  1. Não é fraqueza não conseguir lidar com dias menos bons. Significa que és humana e que tens sentimentos, e existem sentimentos menos luminosos e mais melancólicos. Por mais que não queiramos, são também essenciais para nos encontrarmos e também encontrarmos as nossas forças para alcançar a luz e os sentimentos que nos nutrem.
    Tens muita força, acredita. Sei que não nos conhecemos, mas se quiseres falar envia-me um e-mail.

    Beijinho❤

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Querida Mel, muito muito obrigada pelas tuas palavras e especialmente pelo teu carinho.
      O teu nome assenta-te mesmo bem, pois és um doce de menina!
      Beijinho enorme e obrigada mais uma vez por estares aqui.

      Eliminar
  2. Como te compreendo Catarina...sou por natureza uma pessoa assim também. O yoga ajudou-me muito a ver a vida com mais cor e a tornar o cinzento menos escuro. Mas esses dias existirão sempre, infelizmente. Mas é como dizes, o sol volta sempre :) e temos um mês novinho em folha pela frente para ver com cores de verão!
    Um abraço apertadinho e um beijinho do coração!
    Ana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Querida Ana, muito muito obrigada pelas tuas palavras e pela força.
      A vida é mesmo assim, com dias de todas as cores! Vamos torcer para que Agosto nos traga dias bem coloridos e alegres!
      Assim como tu também encontrei no Yoga uma grande fonte de inspiração e força para viver de uma forma melhor! Já não me imagino sem praticar. Yoga dentro e fora do tapete sempre!
      Beijinho grande grande para ti minha querida!

      Eliminar
  3. Catarina, como te compreendo.
    Não estou propriamente na fase mais feliz da minha vida, talvez esteja na mais difícil que vivi até hoje. Basta que nos falte a saúde (a nós ou aos nossos) e lá se vai o ânimo.:(
    Já se sabe que a vida é composta de tudo, haverá sempre dias tristes e não podemos fugir a isso. Para mim a melhor terapia é essa mesmo: vivê-los, acreditando que o sorriso voltará. :)
    Um abraço e um beijinho muito grande cheios de força e de coragem!
    Ou muito me engano, ou hoje o sol vai brilhar. :)
    Até logo, querida!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá minha querida e doce amiga Lete!

      Muito muito obrigada pelas tuas palavras, pelo teu carinho e amizade.
      Vejo pelo que me contas que Julho também não foi dos teus melhores meses. E fico desde já a torcer para que essa fase da tua vida mais cinzenta passe o mais rápido possível, que todos os teus problemas se resolvam e que o sol volte a brilhar nos teus dias e no teu coração!!
      Beijinho enorme enorme**

      Eliminar
  4. Sabes Catarina, costumo pensar que os dias cinzentos existem para que possamos dar ainda mais valor aos que nos são coloridos. Uns fazem parte dos outros. E também sabemos que depois da tempestade vem a bonança! Força, querida Catarina e beijos carregados de boa energia 😘😘😘

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá minha querida!

      Muito muito obrigada pelas tuas assertivas palavras e pelo teu carinho. Como diz o ditado " depois da tempestade vem sempre a bonança", e é nisso que tenho que acreditar!
      Beijinho enormeeeee com muito carinho!

      Eliminar

      Eliminar
  5. E Acreditar que "ELE" não nos abandona nunca!
    Abracinho!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada pela força!
      Beijinho grande!

      Eliminar
  6. Olá querida amiga :)
    A gente já sabe faz parte, mas quem é que quer sofrer ?
    Mas faz parte da vida e ás tantos se fosse tudo bonito e fácil não daríamos o devido valor.
    A Ana diz e diz bem, tens e temos um novo mês pela frente ,vamos aproveitar .
    E tens toda a razão mesmo parecendo que as nuvens nunca mais desapareção ,vem um dia que o sol vai raiar e trazer muita luz e amor em nosso coração .
    Sei mt bem que és muito fechada mas ás vezes é bom soltar pensamentos e sentimentos que não nos fazem bem e desabafar com as pessoas certas .Claro que não irá ser no blogue ,mas juntos dos que confias e tens perto do teu coração .~
    Alguma coisa apita
    Fiquem com DEUS
    bj grande
    Lulu

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá minha doce e querida amiga!
      Muito muito obrigada pelas tuas palavras, pelo teu carinho e pela tua preciosa amizade. Fico mesmo muito feliz por te ter aqui comigo e por saber que mesmo distante posso sempre contar contigo.
      Os últimos dias não foram fáceis, é uma realidade. Mas tenho a plena noção de que dias assim também nos fazem falta. Muitas vezes é em momentos assim que aprendemos as melhores lições e que tomamos grandes resoluções.
      Tens razão quando dizes que sou um bocadinho fechada e guardo muito para mim as minhas dores, acredita que me esforço para mudar e sei o quanto fica mais fácil quando partilhamos as nossas dores. Estou a trabalhar arduamente para mudar isso.
      Beijinho enorme enorme e uma abraço bem apertadinho!
      Em breve mando te um email.
      Beijinho também às tuas princesas lindas!

      Eliminar
  7. Oi Catarina! Dias cinzentos são como aprendizados, né?! Precisamos aprender a lidar com eles, suportá-los e vencê-los. Todo mundo tem seus dias cinzentos mas, como bem falaste, até eles devem passar e o colorido dos dias voltarão.
    Espero que tenhas superado todas as dores e incomodações deste últimos dias e que teus dias voltem a ser coloridos e, consequentemente, tu voltes a colorir este blog.
    Bjinho carinhoso!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Tiane!

      Que bom ler as suas palavras e sentir a sua força! Muito obrigada por cada uma delas.
      Dias cinzentos também nos trazem coisas boas e é nelas que sempre me tento focar!
      beijinho enorme e obrigada pelo carinho!

      Eliminar
  8. Olá Catarina, que dizer? geralmente és tu quem tem mais fé nos bons momentos e nas energias positivas, do que eu. Todos temos esses dias, essas cargas negativas, muitas vezes trazidas por outros. Acho que o que a idade traz de bom é saber relativiza-los com mais facilidade do que quando somos mais jovens. Também eu tenho meus problemas, já chorei e pensei neles muitas vezes. Hoje, mais não. Deixei-me desse sofrimento. Penso em tudo o que tenho de bom e que compensa largamente a parte cinzenta. Beijinho muito grande e que voltes a te sentir animada e com forças o mais breve possível!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Querida Val muito obrigada pela tua força, pelas tuas palavras e pelo teu carinho!
      Tens razão quando dizes que normalmente sou cheia de fé e sempre com um discurso optimista. Normalmente sou mesmo assim, e acredita que quando me vou mais abaixo tento logo focar-me em coisas boas para me animar! E embora a idade nos traga experiência e nos ajude a relativizar as coisas, a verdade é que não somos de ferro. Logo é normal de vez em quando sentirmo-nos mais frágeis. O importante é darmos a volta à situação, erguer a cabeça e seguir em frente!
      Beijinho enorme minha querida e obrigada mais uma vez pelo teu apoio!

      Eliminar
  9. Oi Catarina! Voltei aqui para avisar-te que me atrapalhei na última postagem do meu blog, do pão com canela... eu baixei as fotos e queria salvara postagem para terminar depois, e acabei publicando. Desculpas! Se quiseres conferir a postagem certinha e a receita do pão, já está tudo certo! Obrigada! Bjinho e um dia colorido pra ti!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigada por me avisares, já passei lá para tirar a receita e mais uma vez fiquei a babar só de ver as imagens! O redondo ficou simplesmente lindo!! Estou deserta para experimentar!!
      Beijinho enorme enorme**

      Eliminar
  10. Querida Catarina,

    Gosto muito de "Um Livro para Todos os Dias" - Planeta Tangerina (http://www.planetatangerina.com/pt/livros/um-livro-para-todos-os-dias)...

    Um livro que, por aqui, foi oferecido ao filhote mas, esta mãe (eu) gosta muito e aconselha!... Porque... há dias e dias!... E todos eles nos fazem crescer!...

    Beijito ĢRANDE 💜

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá minha querida!
      Muito obrigada pela dica, vou pesquisar, até porque se há coisa que adoro fazer é ler!
      Beijinho enorme e obrigada por estares aqui!

      Eliminar
  11. Respostas
    1. Sim é verdade!
      Obrigada e beijinho grande!!

      Eliminar
  12. Oh minha querida,
    não é mesmo teu este discurso!
    Claro que dias cinzentos todos tempos e ainda bem que conseguiste tirar o "bom" desses dias cinzentos e ultrapassá-los!
    Espero que o Agosto seja muito mais bonito, com cores lindas e com tanta energia positiva que tu tens.
    Um beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Joaninha minha querida!
      Tens razão quando dizes que este discurso nem parece meu. Não costumo queixar-me e costumo ser sempre bastante optimista. Mas quem não tem os seus dias maus certo??!!
      O importante é arregaçar as mangas e ir em frente. Com a certeza que tudo passa!
      Beijinho grande grande princesa!

      Eliminar
  13. Olá minha querida Catarina :)
    Até nestes dias cinzentos tu consegues passar uma boa mensagem :) Mesmo admitindo que há dias maus, "no fim" à que levantar e seguir em frente :) És uma pessoa maravilhosa :)
    E sim, o sol nasce todos os dias, às vezes está coberto com as nuvens, mas, mais dia menos dia ele aparecerá ;) Fica bem minha linda. Com um forte pensamento em ti, para te fazer sorrir :)
    Beijinhos grandes e um abraço apertadinho :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Sandrinha minha querida!
      Muito obrigada pelas tuas doces palavras, nem imaginas o quanto me deixam feliz e grata!
      A vida é assim mesmo, um misto de dias coloridos e outros mais cinzentos. Temos que lidar com todos eles e tentar sempre ver o lado bom da coisa! Nem sempre é fácil, mas não é de todo impossível!
      Beijinho enorme enorme e muito obrigada pela tua amizade e companheirismo!

      Eliminar
  14. Querida Catarina, é inevitável que os dias cinzentos venham. E que eles nos abalam, claro, não há dúvida. Mas a tua atitude é determinante no desenrolar dos dias e por conseguinte, da vida que se desenha a partir daí. Sei que tens força de carácter para suportar o que tiveres de suportar, pois afinal não há nada que venha à nossa vida sem que com isso não venha também a capacidade para o enfrentar e depois prosseguir. Ou, como dizem os antigos: Deus dá a chaga conforme a mezinha :) Recolhe-te, mostra-te, interioriza, exterioriza, faz conforme o teu coração te mandar. Tudo passa. O bom e o mau. E a vida passa por nós com tudo isso, estando no final, à nossa espera, a vitória, sempre. Creio nisto. Força e bênçãos, é o que desejo na tua vida! És linda. Beijinhos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá minha querida e doce Margarida!
      Muito muito obrigada pela tua visita aqui ao meu cantinho, por cada uma das tuas sábias e afáveis palavras e pelo teu carinho!
      É sempre um enorme prazer para mim ter-te aqui e ler o que escreves.
      Beijinho enorme para ti***

      Eliminar